logo-seconci-mg

Marcação de consultas: 08:00 às 12:00 | 13:30 às 17:00 horas

Odontologia e Medicina Assistencial

(31) 3449-8002 ou (31) 3449-8003

Medicina Ocupacional

(31) 3449-8040 ou (31) 3449-8041

Palestras sobre HIV/AIDS marcaram o Dezembro Vermelho nas obras

Buscando atualizar seus colaboradores sobre a AIDS e sensibilizá-los sobre a evolução dos métodos preventivos e de tratamento da doença, algumas empresas associadas promoveram, com o apoio do Seconci-MG, palestras sobre o tema em suas obras.

A iniciativa integra ações da campanha Dezembro Vermelho, focada na prevenção da infecção pelo HIV, que pode levar à AIDS, bem como em outras Infecções Sexualmente Transmissíveis (ISTs). A ginecologista do Seconci-MG, Elza Brandão, explicou nas palestras ministradas que, com a evolução do tratamento, nem toda pessoa que vive com o vírus HIV chega a desenvolver a AIDS, esclarecendo a diferença entre os termos: HIV é a sigla em inglês para o vírus da imunodeficiência humana – uma vez que ele ataca o sistema imunológico, responsável pela defesa do organismo de doenças. Já a AIDS, ou Síndrome da Imunodeficiência Adquirida compreende o estágio mais avançado da doença causada pelo vírus HIV. Mais vulnerável, o organismo fica sujeito às chamadas infecções oportunistas, que vão desde um resfriado a doenças mais graves como a tuberculose.

A médica abordou as formas de transmissão do HIV: através de relações sexuais desprotegidas (sem camisinha), uso de drogas injetáveis, sangue contaminado ou da mãe não tratada para o bebê. Explicou, ainda, que o vírus não é transmitido com abraço ou com beijos, pelo ar, pela água (de piscinas, por exemplo) ou por insetos e animais e também por compartilhamento de vasos sanitários, roupas e alimentos. Mas destacou que, mesmo assintomático, o portador do HIV pode continuar transmitindo o vírus, chamando atenção para as formas de prevenção.

O público que assistiu às palestras soube que o preservativo, ou camisinha, é o método mais conhecido, acessível e eficaz para se prevenir da infecção pelo HIV e outras ISTs, como a sífilis, a gonorreia e também alguns tipos de hepatites. Além disso, ele evita uma gravidez não planejada.

Para reforçar essa informação, foram distribúidos preservativos aos ouvintes após a palestra, obtidos pelo Seconci-MG junto a Coordenação Municipal de Saúde Sexual e Atenção às ISTs, AIDS e Hepatites Virais da Secretaria Municipal de Saúde. Eles também ficaram sabendo que as camisinhas podem ser buscadas regularmente nos Centros de Saúde mais próximos de suas residências, sem a necessidade de consulta médica e receita.