Marcação de consultas: 08:00 às 12:00 | 13:30 às 17:00 horas

Odontologia e Medicina Assistencial

(31) 3449-8002 ou (31) 3449-8003

Medicina Ocupacional

(31) 3449-8040 ou (31) 3449-8041

Começou a Campanha Nacional de Vacinação Contra a Gripe

Começou no dia 12 de abril a Campanha de Vacinação da Gripe (Influenza). No momento, estão sendo vacinados os grupos prioritários da primeira etapa: crianças de seis meses até seis anos, gestantes, puérperas, povos indígenas e trabalhadores da saúde.

A gripe é uma infecção que acontece no sistema respiratório, provocada pelo vírus da influenza. A doença é transmitida com muita facilidade e acaba levando muitas pessoas ao hospital. Desde 1999, o Programa Nacional de Imunizações (PNI) inclui a vacinação contra gripe (influenza) dentro de suas estratégias, buscando reduzir internações, complicações e mortes em função da doença.

Em 2021, a campanha de vacinação contra a gripe acontece de 12 de abril a 09 de julho. Ela foi dividida em três fases, cada uma atendendo a grupos prioritários específicos. A meta é vacinar, pelo menos, 90% de cada um dos grupos prioritários.

Covid-19

Atenção! A vacina de gripe NÃO oferece nenhuma imunização contra o Coronavírus. Ela protege contra o vírus Influenza, evitando casos graves e mortes causados por ele e reduz os sintomas que podem ser confundidos com os da Covid-19. 

Deve-se respeitar um intervalo mínimo de 14 dias entre as vacinas. Se você tomar a vacina contra a Influenza, espere 14 dias para tomar a da Covid-19. Se tomar primeiro a da Covid-19, 1ª ou 2ª dose, espere mais 14 dias para tomar a da Influenza. Leve o seu cartão de vacinas no dia em que for se vacinar para que o profissional de saúde possa lhe ajudar nesse controle.

Ao ir se vacinar, não deixe de utilizar a máscara e respeitar as medidas de distanciamento social. É importante seguir com a prevenção à Covid-19.

Saiba mais

Vacine-se! A prevenção é completamente segura e salva vidas. Consulte os grupos prioritários e calendário de vacinação no site da Secretaria Estadual de Saúde de Minas Gerais, parceira do Seconci-MG, sobre a campanha: clique aqui.